Análise de Sistemas de Formação

Unidade Curricular: Análise de Sistemas de Formação
Ano:

1

Semestre:

1º Semestre

Área Disciplinar:

Pedagogia e Met. de Intervenção nas Act. Motoras , Parte Currcicular

ECTS:

7.5

Regente:

António José Mendes Rodrigues

Objectivos:1) Caracterizar o desenvolvimento dos sistemas de formação nos contextos de ensino e formação nas suas dimensões ideológica e organizacional;
2) Identificar características organizacionais dos contextos e espaços de formação implicados no sucesso educativo e na mudança das práticas de formação;
3) Conhecer diferentes modos de analisar os sistemas de formação a partir da abordagem sócio-organizacional;
4) utilizar conceitos das diferentes áreas de análise dos sistemas de formação, na conceção, desenvolvimento e avaliação de projetos de intervenção nos diversos contextos organizacionais em que ocorrem processos e educação e formação.
Conteúdos Programáticos em Syllabus:?? 1. A emergência, a expansão e a crise do modelo de formação escolar.Notas sobre os debates atuais sobre o espaço público da educação e formação, os modelos de formação atuais.
2. A emergência dos estudos sobre contextos formativos (escolar e profissional):fatores políticos, sociais e culturais.A crítica aos contextos formativos formais dos anos 60 e 70 e o debate sobre as desigualdades escolares e sociais. Das desigualdades escolares sociais ao estudo das organizações escolares e laborais (pedagógicos, científicos, administrativos, políticos centrados nas organizações educativas).Modelos da investigação sobre os efeitos das organizações.O estudo da eficácia educativa: fundamentos teóricos, critérios e indicadores de eficácia.O retrato das organizações eficazes e a questão da sua avaliação.
3. Modelos de análise das organizações e sistemas formação. Implicações para os estudos sobre a inovação e a implementação de projetos nos contextos formativos.Cultura e micropolítica n
Avaliação:? Duas formas de ter sucesso na disciplina: através de avaliação final ou continua. Na primeira modalidade: realização de Exame final escrito e oral (condição de acesso à oral classificação de 7,5 val no exame escrito); na segunda modalidade, realização em um trabalho individual, escrito, de curta dimensão que pode ser em alternativa: tipo a) de síntese das temáticas de lecionadas (7 a 10 páginas); ou, tipo b) reflexão pessoal sobre uma das temáticas abordadas intersetando as ideias de pelo menos dois dos textos referenciados para a temática (5 a 7 páginas).
Bibliografia:Aa.Vv. Espaços de Educação. Tempos de Formação (Textos da Conferência Internacional Espaços de Educação, Tempos de Formação, Novembro de 2001). Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian, 2002.
barbier, J.M. Elaboração de Projectos de Acção e Planificação. Porto: Porto Editora,
canário, Rui. Os Estudos sobre a Escola: problemas e perspectivas. In J. Barroso (org.), O Estudo da Escola (121-150). Porto: Porto Editora, 1996.
Fullan, Michael. The complexity of the change process. In Change Forces (19-41). London: The Falmer Press, 1995.
lima, Licínio. Compreender a Escola – Perspectivas de análise organizacional. Porto: Asa. 2006.
Morgan, Gareth. Imagens da Organização. São Paulo: Atlas, 1996.
Nóvoa, António (coord.). As Organizações Escolares em Análise. Lisboa: Publicações Dom Quixote, 1992.
Programa em formato pdf:

Português

English

2019/2020

2019/2020

2018/2019

2018/2019

2017/2018

2017/2018

2016/2017

2016/2017

2015/2016

2015/2016

2014/2015

2014/2015

2013/2014

2013/2014



Erasmus Incoming